terça-feira, 14 de dezembro de 2010

ABO/CE promove confraternização com Ouvidores

Em mensagem recebida estes dias, a Presidente da ABO/CE faz convite para momento de integração com a categoria.

Louvável a iniciativa da seccional, que procura aproximar os profissionais e fortalecer a categoria. Estarei presente e trarei informações sobre o que de melhor acontecer no evento, inclusive com fotos.

Abaixo, a íntegra do convite:


Da: Associação Brasileira de Ouvidores - Ceará

Para: Membros da ABO-CE.

Caros colegas,

A Presidência e Secretaria da ABO-CE, convidam todos os colegas a participarem de um “café com ouvidores” que acontecerá próximo dia 17, sexta feira, às 8.00 h, na sala da Ouvidoria Parlamentar, localizada na Av: Pontes Vieira, 2391.

Durante o encontro haverá abertura de espaço para a assinatura da Ata de posse da nova diretoria da ABO-Ce.

Também será um momento de confraternização e oportunidade para que haja, cada vez mais, integração entre Ouvidorias da nossa Capital.

A participação de todos é fundamental.


Atenciosamente,


Dayse Fuques

Presidente da ABO-CE

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Novo Governo: Ouvidorias serão valorizadas

Alguns nomes que comporão o futuro quadro de Ministros de Estado do governo Dilma Rousseff já vem sendo anunciados, um deles é o titular da pasta do do Planejamento, Miriam Belchior.

Em entrevista coletiva, a futura mulher forte do planejamento do governo afirmou que sua gestão será pautada pelo binômio cartas de serviço e ouvidorias, com o objetivo de das garantia de melhor atendimento ao cidadão.

Em nota publicada no site da OMD, Miriam acrescentou que concederá maior autonomia e flexibilidade aos órgãos em troca de um melhor desempenho. O governo continuará com a política de valorização dos servidores federais, complementou, "mas de forma responsável e dentro dos limites".

A ministra citou como exemplos de avanço na área de planejamento do governo federal nos últimos oito anos o fim das filas no INSS, a criação da Super Receita, com a unificação das Receitas Federal e Previdenciária, e a ampliação das licitações eletrônicas de 17% (no início do governo Lula) para 80%, medida que, segundo ela, aumenta a transparência das compras de governo e reduz os gastos públicos.

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

Conversa sobre Conflitos com gerentes de PSF

A idéia de um momento com os gerentes do Centros de Saúde da Família para conversar sobre a gestão de conflitos surgiu após uma análise das manifestações recentes da Ouvidoria do SUS, que apontavam dificuldades de resolução mediante tais situações.
Desta forma, estive na reunião do gerentes dos CSF de Sobral para uma exposição dialogada sobre o tema "Mediação de Conflitos" nesta quinta-feira, 25/11/2010.
Aliás, esta é uma questão que todos, independentemente da área de atuação, devem conhecer e refletir sobre. Condição inerente à convivência humana, o conflito não deve ser entendido como algo ruim ou prejudicial, e sim uma oportunidade para refletirmos a nossa relação com o outro e desenvolver aspectos como restabelecimento de vínculos e prevenção de novos conflitos.
Trabalhamos de maneira oficinal por duas horas, onde procurei sintetizar o número de slides e dar certa prioridade à participação, o que obviamente traz maior interesse para os presentes.
Publico registro do momento, acontecido no auditório da Escola de Formação em Saúde da Família de Sobral.







quinta-feira, 25 de novembro de 2010

Curso de Certificação em Sistemas de Registro Eletrônico de Saúde (S-RES)

Recebi a notícia via equipe do NUTEDS/UFC, de anúncio do Dr. Luiz Roberto, Prof. da Faculdade de Medicina - UFC e Representante Regional da SBIS - Regional do Ceará, sobre o

Curso de Certificação em Sistemas de Registro Eletrônico de Saúde (S-RES), oferecido pela Sociedade Brasileira de Informática em Saúde.

Na modalidade telepresencial, o curso tem um processo que tem a parceria e chancela do Conselho Federal de Medicina, sendo ofertado pela primeira vez nesse formato, com uso de videocolaboração e com apoio de materiais que serão disponibilizados como apoio na página da SBIS (http://www.sbis.org.br).

Em todo o país, apenas dois estado possuem uma Regional da SBIS, uma delas no Ceará, e o curso ocorrerá nas dependências do Núcleo de Tecnologias e Educação a Distância em Saúde da UFC, no Laboratório de Informática da Faculdade de Medicina, no andar térreo do Bloco dos Departamentos (entrada em frente aos elevadores), nos dias 09 e 10 de dezembro, quinta e sexta-feira, nos dois expedientes.

Mais informações, tais como inscrição, preços e como realizar a inscrição podem ser feitas através do celular (85) 9947.0705.



quarta-feira, 24 de novembro de 2010

Uma idéia brilhante!


PROJETO DE LEI DO SENADO Nº, DE 2007

PLS - PROJETO DE LEI DO SENADO, Nº 480 de 2007

Determina a obrigatoriedade de os agentes públicos eleitos matricularem seus filhos e demais dependentes em escolas públicas até 2014.
O CONGRESSO NACIONAL decreta:

Art. 1º
Os agentes públicos eleitos para os Poderes Executivo e Legislativo federais, estaduais, municipais e do Distrito Federal são obrigados a matricular seus filhos e demais dependentes em escolas públicas de educação básica.

Art. 2º
Esta Lei deverá estar em vigor em todo o Brasil até, no máximo, 1º de janeiro de 2014.
Parágrafo Único. As Câmaras de Vereadores e Assembléias Legislativas Estaduais poderão antecipar este prazo para suas unidades respectivas.

JUSTIFICAÇÃO
No Brasil, os filhos dos dirigentes políticos estudam a educação básica em escolas privadas. Isto mostra, em primeiro lugar, a má qualidade da escola pública brasileira, e, em segundo lugar, o descaso dos dirigentes para com o ensino público.
Talvez não haja maior prova do desapreço para com a educação das crianças do povo, do que ter os filhos dos dirigentes brasileiros, salvo raras exceções, estudando em escolas privadas. Esta é uma forma de corrupção discreta da elite dirigente que, ao invés de resolver os problemas nacionais, busca proteger-se contra as tragédias do povo, criando privilégios.
Além de deixarem as escolas públicas abandonadas, ao se ampararem nas escolas privadas, as autoridades brasileiras criaram a possibilidade de se beneficiarem de descontos no Imposto de Renda para financiar os custos da educação privada de seus filhos.
Pode-se estimar que os 64.810 ocupantes de cargos eleitorais –vereadores, prefeitos e vice-prefeitos, deputados estaduais, federais, senadores e seus suplentes, governadores e vice-governadores, Presidente e Vice-Presidente da República – deduzam um valor total de mais de 150 milhões de reais nas suas respectivas declarações de imposto de renda, com o fim de financiar a escola privada de seus filhos alcançando a dedução de R$ 2.373,84 inclusive no exterior. Considerando apenas um dependente por ocupante de cargo eleitoras.
O presente Projeto de Lei permitirá que se alcance, entre outros, os seguintes objetivos:
a) ético: comprometerá o representante do povo com a escola que atende ao povo;
b) político: certamente provocará um maior interesse das autoridades para com a educação pública com a conseqüente melhoria da qualidade dessas escolas.
c) financeiro: evitará a “evasão legal” de mais de 12 milhões de reais por mês, o que aumentaria a disponibilidade de recursos fiscais à disposição do setor público, inclusive para a educação;
d) estratégica: os governantes sentirão diretamente a urgência de, em sete anos, desenvolver a qualidade da educação pública no Brasil.
Se esta proposta tivesse sido adotada no momento da Proclamação da República, como um gesto republicano, a realidade social brasileira seria hoje completamente diferente. Entretanto, a tradição de 118 anos de uma República que separa as massas e a elite, uma sem direitos e a outra com privilégios, não permite a implementação imediata desta decisão.
Ficou escolhido por isto o ano de 2014, quando a República estará completando 125 anos de sua proclamação. É um prazo muito longo desde 1889, mas suficiente para que as escolas públicas brasileiras tenham a qualidade que a elite dirigente exige para a escola de seus filhos.
Seria injustificado, depois de tanto tempo, que o Brasil ainda tivesse duas educações – uma para os filhos de seus dirigentes e outra para os filhos do povo –, como nos mais antigos sistemas monárquicos, onde a educação era reservada para os nobres.
Diante do exposto, solicitamos o apoio dos ilustres colegas para a aprovação deste projeto.
Sala das Sessões,

Senador CRISTOVAM BUARQUE

terça-feira, 23 de novembro de 2010

Ouvidor Também Almoça

Numa interessante iniciativa, a ABO/Nacional promoverá um evento de integração entre os profissionais da Ouvidoria.
Recebi o convite esta semana e a idéia será colocada para ABO/Ceará, já que também precisamos de uma maior integração entre nossos ouvidores.

domingo, 21 de novembro de 2010

Notícias sobre Seminário em Rio Branco/AC

Notícia de absoluto sucesso do I Seminário Estadual de Ouvidoria do SUS: “Ouvidoria como Instrumento de Gestão”, promovido pelo Governo do Estado do Acre com o apoio do Ministério da Saúde (MS), por meio da Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa (SGEP).
O evento discutiu, dentre outros assuntos, a criação da Ouvidoria do Sistema Único de Saúde (SUS) na Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre),
Os jornais A Tribuna e A Gazeta do Acre deram destaque ao evento, que tive o prazer de ser convidado, mas por questões pessoais, fiquei impossibilitado de estar presente. Contudo, um vídeo onde falo sobre o assunto, inclusive postado aqui no blog, foi produzido e enviado para o evento.
Veja as palavras da assessora técnica da Secretaria do Estado da Saúde do Acre e uma das organizadoras do Seminário, Fátima Melo, que nos enviou e-mail relatando algo sobre o evento:

Olá Jânder,

Estou grata por sua atenção em enviar a gravação.
Todos gostaram muito, não ficou nada a desejar, tanto que foi solicitado pelos gestores dos municipios, a reprodução.
Mais uma vez, grata por sua atenção.
Sds,
Fátima Melo.

quarta-feira, 17 de novembro de 2010

Palestra sobre Importância da Ouvidoria como Instrumento de Gestão

Palestra direcionada à oficina de Ouvidorias do SUS, promovida pela Secretaria do Estado de Saúde do Acre, proferida pelo zelador do blog, Jânder Magalhães, em novembro de 2010, que teve como tema a "Importância da Ouvidoria como Instrumento de Gestão".


sábado, 13 de novembro de 2010

Imagens do Encontro Cearense de Ouvidorias do SUS

Mais um evento sobre ouvidorias do SUS aconteceu nessa semana, agora na capital alencarina, a bela Fortaleza/CE.
Acompanhado do Dr. Anderson Silva, advogado e co-autor de um trabalho nosso sobre gestão de conflitos entre cidadão e usuário, estive no evento para coordenadar uma mesa e apresentar o trabalho, mas que de última hora, solicitei que o próprio Dr. Anderson o apresentasse.
Para surpresa de alguns, mas não minha, o colega deu um verdadeiro show e conseguiu prender a atenção da platéia e provocar elogios no momento das manifestações da platéia.
Foram mais de 140 participantes, representantes de municípios de todas as regiões do estado, além da presença ilustre da Ouvidora Geral da União, Drª. Eliana Pinto, e da Coordenadora do Departamento de Ouvidoria-Geral do SUS (DOGES), Drª. Maria Moro.

Dr. Anderson apresentando palestra















Mesa principal do evento















Conversa com Drª. Maria Moro (DOGES)















Dr. Anderson, Maria Moro e o zelador


terça-feira, 9 de novembro de 2010

Convite do Norte - AC

A Secretaria de Estado da Saúde do Acre, através do Departamento de Regulação da Rede de Assistência, promoverá oficina sobre o tema "Ouvidoria do SUS como instrumento de Gestão", que acontece no dia 18 de novembro de 2010, em sua capital, Rio Branco.
Com um tema tão interessante, um evento desta magnitude só trará benefícios a gestão estadual, que tem a frente o jovem e competente médico Osvaldo de SousaLeal Júnior (foto).
Agora, cito a parte que me diz respeito.
Recebi na tarde de hoje o ofício do Secretário de Estado da Saúde convidando o zelador do blog para proferir a palestra magna sobre o tema. Só posso dizer que é um honra poder voltar ao esplêndido estado do Acre, e ainda ter a oportunidade de falar sobre um tema que venho procurando conhecer melhor a cada ano.
Faz pouco mais de um ano que estive num seminário promovido pelo município do Rio Branco, que tem como ouvidor do SUS, o versátil Sebastião Araújo, e como Secretário de Saúde Dr. Kalil, que fazem a capital referência na região norte quando o assunto é ouvidoria.
Falando de coração, faço algumas viagens por todo país durante o ano, mas uma das viagens mais marcantes que tive, quer seja pelas belezas naturais ou pelo acolhimento das pessoas, foi minha ida ao Acre.
Aguardo definição de alguns detalhes para aprontar as malas e visita a carismática Rio Branco/AC, com direito a muitas fotos e postagens em nosso blog.

sexta-feira, 5 de novembro de 2010

Curso de Gestão de Ouvidoria pelo Pró-Cidadania


Participei recentemente de um treinamento do Ministério da Saúde sobre construção de relatórios gerenciais, na cidade do Rio de Janeiro.
O evento, porém, foi limitado a um número reduzido de técnicos e específico para utilização de um sistema próprio.
Mas, se você procura algo do mesmo teor, o Instituto Pró-Cidadania, um dos mais sérios do país, promoverá um curso na área na cidade do Recife/PE. É, na verdade, um investimento que vale o esforço e com bom retorno no processo de trabalho.
Clique na imagem para acessar o site da instituição e obter mais detalhes sobre o evento.






Publicado convite para I Fórum das Américas de Ouvidorias

Recebi na manhã desta sexta, 05, um convite da Ouvidoria-Geral da União para participar do I Fórum das Américas de Ouvidorias, Defensores Del Pueblo e Ombudsman, com o tema “Os desafios da participação cidadã nas instituições do nosso continente”.

Para o fórum, estão confirmadas as presenças de representantes da Argentina, Bermuda, Bolívia, Canadá, Chile, Estados Unidos e México, no evento que acontece nos dias 30 de novembro e 1º de dezembro de 2010, em Salvador/BA. Segundo a mensagem, o evento será um espaço de debate democrático, troca de experiências, discussão de temas de interesse comum, aprofundamento de reflexão, formulação de propostas e articulação do poder público, movimentos sociais e organizações da sociedade civil.

As inscrições, que são gratuitas, pode ser feitas através do endereço eletrônico cgueventos@cgu.gov.br e com vagas limitadíssimas. Já participei de eventos, o mais recente no Rio de Janeiro/RJ, realizados pela Ouvidoria-Geral da União que tem como Ouvidoria a Drª. Eliana Pinto, e posso garantir que há um bom nível de organização e de conteúdo.

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Encontro do Fórum Cearense de Ouvidorias do SUS tem nova data

Recebi ligação ontem, e e-mail hoje, falando sobre a mudança da data do Encontro das Ouvidorias do SUS no Ceará.

Rapasso na íntegra o comunicado:

Conforme informado anteriormente, a Secretaria da Saúde do Estado do Ceará – SESA/CE, por meio de sua Ouvidoria Geral e do Fórum Cearense de Ouvidoria do SUS, estará realizando o VI ENCONTRO DO FÓRUM CEARENSE DE OUVIDORIAS DO SUS, no Mareiro Hotel (Av. Beira Mar, 2381 – Praia de Iracema).

Por motivo de força maior, a data do evento foi modificada para 11 e 12 de novembro próximo, conforme programação em anexo.

Reiteramos o convite para participação, no evento, do Ouvidor desta SMS (caso exista), do técnico responsável pelo processo de implantação da Ouvidoria do SUS ou do profissional responsável pelo Sistema OuvidorSUS no município.

Favor confirmar o nome dos participantes através dos telefones (85) 3101.5227/ 3219.2252 ou pelo email ouvidoriasesa@saude.ce.gov.br

Na certeza de contarmos com a vossa colaboração, agradecemos."

Esta é a sexta edição do evento, que reúne representantes de ouvidorias municipais do Ceará e a rede de ouvidorias do Estado, especificamente na área de saúde.

Treinamento do MS sobre relatórios gerenciais

Pois é, amigos internautas, estive na semana passada, de 18 a 22, na cidade maravilhosa participando de um treinamento financiado pelo Ministério da Saúde (MS).
Foram quatro dias de intensas atividades voltadas para construção de ferramentas gráficas e textuais, que certamente contribuirão positivamente para o trabalho das ouvidorias do SUS em todo país.
Estiveram presentes ouvidores de municípios e estados da região nordeste, sudeste, sul e norte, pessoas do Maranhão à Maringá, de Macapá à Florianópolis, passando por Sobral, é claro.
Apesar da grande carga de conteúdo, fiquei surpreso positivamente com o bom nível dos profissionais que atuam na ouvidorias do SUS, pessoas com formação diversificada, mas extremamente conhecedores dos processos e fluxos do sistema.
A construção de relatórios gerenciais efetivos, bem feitos e com objetividade administrativa ainda é um desafio para quem trabalha em ouvidoria, independentemente da área, e especificamente no SUS, existe uma grande vantagem que é a disponibilidade do sistema OuvidorSUS, ferramenta que facilita e oferece os mais variados recursos para subsidiar qualquer tipo de relatório.
No detalhe, um clique do zelador do blog acompanhado das ouvidoras de Maceió/AL , Josiane Barbosa, e do Estado do Maranhão, Neuza Sobrinho, durante a realização do exercício de construção de relatório, num trabalho de equipe .

terça-feira, 26 de outubro de 2010

ABO Nacional oferece curso em SP

Recebi e repasso informação sobre um curso de formação em ouvidoria, o qual oferece condições para que o profissional possa se associar à entidade.
Por ser organizado pela Associação Brasileira de Ouvidores (ABO), o curso oferece garantia de qualidade, o que justifica o investimento. Mesmo com alguns comentários sobre o valor cobrado, é importante que saibamos da envergadura de um curso de certificação como este, que só profissionais credenciados pela ABO pode oferecer.
Este evento, especificamente, acontece em São Paulo entre os dias 08 e 10 de dezembro deste.
Para mais informações, clique na imagem e acesse o site da ABO Nacional.

segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Faculdade Luciano Feijão implanta ouvidoria

Olha meus amigos, o instituto ouvidoria é uma ferramenta que a cada dia se consolida como algo imprescindível para qualquer gestão, seja ela no setor público ou privado.
O destaque em nosso blog para esta semana é o trabalho desenvolvido na Faculdade Luciano Feijão (FLF), das mais respeitadas do estado e que tem como Presidente de sua entidade mantenedora Francisco Lúcio Pontes Feijão. Uma Ouvidoria Educacional foi implantada naquela escola e já disponibiliza até em seu site um formulário web para manifestações.
Obtivemos informações através de Arlindo Moreira, funcionário da instituição e que está a frente do trabalho na FLF, que os serviço encontra-se num período inicial de atividades, mas de qualquer forma, pessoalmente considero a iniciativa como exemplar na área educacional na zona norte do estado.
Espero que o trabalho na FLF possa se desenvolver, se aprimorar, e, quiçá, tornar-se uma referência para as demais instituições de ensino universitário.
Na condição de Vice-Presidente da ABO no estado, sinto alegre em conhecer estas novas iniciativas e coloco-me sempre à disposição para colaborar com alguma experiência adquirida em nossa jornada e muito amor declarado pela Ouvidoria.

segunda-feira, 11 de outubro de 2010

DOGES promove Curso de Aperfeiçoamento em Ouvidoria

Como forma de dar continuidade a construção da Política Nacional de Ouvidorias do SUS, o Departamento de Ouvidoria-Geral (DOGES) do Ministério da Saúde promoverá mais um Curso de Aperfeiçoamento em Ouvidoria, na cidade do Rio de Janeiro, entre os dias 19 e 23 de outubro deste ano.
No segundo encontro com a temática "Tecendo a Rede do SNO (Sistema Nacional de Ouvidorias) do SUS", a pauta desta feita será "Gestão da Informação".
(Foto: Zelador do blog ao lado do Ouvidor de Belém e amigo, Edmílson, no primeiro encontro do SNO, em 2009)
Em conversa informal com uma das técnicas do DOGES, fui comunicado da importância do o Ministério vem dando a este momento, afinal a gestão da informação é um dos aspectos que podem fazer diferença entre uma Ouvidoria que influencia na administração para uma ouvidoria estéril, assim vejo essa pauta.
Quanto a participação neste evento, lembro que ele será restrito a técnicos responsáveis por Ouvidorias do SUS estaduais e municipais que acessam o nível I do sistema OuvidorSUS. Uma ficha de inscrição foi enviada no dia 12 de agosto, eu mesmo recebi este convite, informando que o Ministério patrocinará o deslocamento e hospedagem, porém até a presente data ainda não houve confirmação do evento.
Obtive informação da Ouvidora de Fortaleza que um outro momento com este tema aconteceu em Belém/PA no mês passado, mas não tive mais informações.
A base para construção do SNO é o sistema informatizado OuvidorSUS, a menina dos olhos do DOGES, que norteia o gerenciamento de dados das Ouvidorias no nível I do sistema. Assim que obtiver alguma novidade sobre o encontro, postarei alguma coisa por aqui.

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Palestra sobre a Ouvidoria na Gestão em Carnaubal/CE

O dia começou muito cedo pra mim neste 21/09/2010, terça-feira, quando me desloquei de Sobral/CE para um dos locais que mais tenho afeto no estado, a Serra da Ibiapaba.
Meu destino era o município de Carnaubal, onde fui convidado pelo município para ser o palestrante do "Seminário Avaliativo e Comemorativo dos 02 anos da Ouvidoria do Município de Carnaubal", promovido pela Secretaria da Saúde daquele município.
Antes de chegar ao município e percorrer os 111 Km, tive tempo de admirar a beleza natural da flora e belíssima geografia daquele planalto, apesar de ter que manter atenção ao volante.
Já na cidade, fui recebido pela titular da pasta da saúde, a Srª Eliana Chaves, e pela Ouvidora, Ana Lúcia Borges, num auditório bem estruturado, que pelo clima da serra, dispensava ar-condicionado.
Organizado, o evento contava com distribuição de pastas com a programação, coffe-break, sistema de som e projeção informatizada.
Fiquei surpreso com a quantidade e variedade do público, eram equipes de PSF, conselheiros de saúde e até mesmo acadêmicos do curso de Serviço Social praticamente lotaram o auditório, algo em torno de 100 pessoas.
Antes de iniciar os trabalhos, tivemos uma bela apresentação cultural com alunos da escola de música local, logo após a composição de mesa, onde o Secretário de Educação, Hélio Chaves, ali representando o Prefeito, nos deu as boas vindas e já deu o "start" do conteúdo tocando na temática humanização.
Minha apresentação iniciou-se por volta de 9h30, preferi não utilizar datashow e sim desenvolver um discurso que me aproximasse do público. Durante aproximadamente 45 minutos, interagi, fiz dinâmicas respondi perguntas e se não fosse o pedido da organização, poderia facilmente ter estendido a apresentação por igual tempo. Logo após, a ouvidoria Ana Lúcia, apresentou um relatório com dados dos dois anos de trabalho, por sinal algo bem interessante para esta, que é única ouvidoria em saúde que funciona de fato em toda serra.
Considerei proveitosa a viagem e vi como as pessoas se interessam pelo tema e como precisam saber ainda muito mais sobre o instituto ouvidoria.
Esta foi a segunda palestra que fiz neste mês, ambas bem animadas e com resultados positivos, sem contar com apresentação feita ao colegiado gestor da Secretaria da Saúde de Sobral nesta quinta, 22/09.
Durante o mês de outubro participarei de outras atividades, mas a principal delas é um seminário de quatro dias na cidade do Rio de Janeiro, também com o tema ouvidoria.
Deixo algumas fotos do evento em sequência com o texto e espero seu comentário sobre a postagem e nosso blog:









quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Rádio Regional AM - Ao vivo

Depois de muita espera, finalmente a rádio Regional AM, emissora que transmite o programa Repórter Saúde, está disponível ao vivo pela internet.

Você poderá acompanhar toda pragramção da emissora, e aos sábados a partir de 11h, o Programa Repórter Saúde, com Jânder Magalhães.











terça-feira, 14 de setembro de 2010

Palestra sobre Ouvidoria no Hemocentro de Sobral/CE

Estive na tarde sexta-feira, 10/09/2010, na sede do Hemoce/Sobral proferindo uma palestra sobre a importância de um serviço de escuta qualificada numa instituição de saúde.
O convite foi feito pela equipe de Ouvidoria do Hemoce, Dr. Ronaldo (foto 01) e Gleuba, que por conhecerem o trabalho desenvolvido pela Secretaria da Saúde e Ação Social de Sobral na área de Ouvidoria do SUS, resolveram fazer esse honroso convite a minha pessoa.
Procurei falar com mínimo de formalidade possível, inicialmente expondo um histórico do instituto ouvidoria e, posteriormente, falando das atribuições do serviço. A cada trabalho que faço apresentando algo sobre o tema, vejo como é grande o interesse das pessoas. No caso de Hemoce, falei para um grupo bem eclético, que ía desde enfermeiros, bioquímicos, médicos e profissionais de nível médio.
Foi interessante perceber que ao falar um pouco de medicação de conflitos (foto 02), as pessoas se interessam em participar, principalmente quando apliquei uma dinâmica de grupo para o melhor entendimento de aspectos como a humanização, e sua relação com a ouvidoria, na intenção de passar uma visão mais positiva do serviço, voltada mais para um instrumento pedagógico do que qualquer outra coisa.
Agradeço aos profissionais do Hemoce pelo convite, e informo que já tenho outra palestra agendada, desta feita no município de Carnaubal/CE, que promoverá um seminário e tive a honra de ser um dos convidados para falar sobre o tema, em evento que acontece na próxima terça, dia 21/09, na Serra da Ibiapaba.

Não faz sentido, por Felipe Neto

quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Agenda do zelador

Caros amigos internautas, como o tempo passa rápido e não espera por ninguém. Já estamos no segundo semestre de 2010, próximo ao período eleitoral, mas atividades não param, pelo contrário, continuam a todo vapor.

Este mês de agosto, apesar de já estar na segunda metade, também promete algumas atividades interessantes. De hoje, 18, até o dia 30/08, fui convidado para fazer três apresentações.

A primeira delas será amanhã, 19, no colegiado de Gestão da Secretaria da Saúde e Ação Social de Sobral e terá como tema o relatório gerencial da nossa ouvidoria para um público formado por técnicos especializados na área da saúde. Falar nesse tipo de relatório exige sempre muito cuidado, afinal, trabalhar com números é uma tarefa que é passível de intepretação e nem sempre evidenciam uma realidade profunda. Para este momento, apresentarei alguns gráficos, que com os números que temos podem ser milhares, e procurarei ser bem objetivo com os dados, transformando-os em informações claras.

A segunda apresentação será na verdade uma palestra, fruto de um convite da Ouvidoria do município de Carnaúbal/CE. Neste momento falarei para conselheiros de saúde, convidados, gestores e população, tratando-se de um momento distinto do anterior. Agora, nada de gráficos e termos muito complexos, a idéia é falar da importância de uma ouvidoria na gestão, penso em nem levar apresentação para datashow, apenas um roteiro numa  folha de papel e deixar a criatividade e experiência fluir, buscando uma interação com o público.

No dia 30/08 é a vez de participar de uma reunião do Hemocentro de Sobral, o HEMOCE, e mais uma vez irei falar com alguns técnicos, mas que não conhecem ainda muito bem o papel da ouvidoria. Outro tipo de público, outro de tipo de metodologia, outro discurso, porém, todos os momentos possuem a mesma essência, falar sobre o que é saber ouvir.

Sempre que sou convidado para proferir palestras, participar de eventos é uma grande satisfação, pois vejo a oportunidade de falar sobre a importância das ouvidorias. Ano passado estive na cidade de Rio Branco/AC, também para conversar sobre o tema, antes, tinha feito outra palestra em Fortaleza, e nesses momentos e lugares distintos percebi bem claro como as pessoas gostam e se interessam pelo tema independentemente do local que vivam.






terça-feira, 3 de agosto de 2010

ABO/CE lança blog


A nova gestão da ABO/CE lançou nesta semana seu novo espaço na internet, o blog da ABO/CE.
Com a iniciativa, a nova diretoria tem como objetivo manter-se mais próxima de seus associados e oferecer um canal de comunicação, disponibilizando notícias, informações e iniciativas da entidade.
Segundo informações de um de seus membros, a diretoria da ABO/CE deve se reunir ainda na primeira quinzena de agosto para elaborar algumas estratégias de ação para o segundo semestre de 2010, dentre elas trabalhar para que algumas instituições saibam um pouco mais sobre a importância das ouvidorias, bem como incentivar aos ouvidores à associação na entidade, a fim de tornar-se mais forte.

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Podcast do Programa Repórter Saúde - 03/07/2010

Acompanhe conosco mais uma edição do Programa Repórter Saúde, que foi ao ar na Rádio Regional AM, 1320 kHz, para Sobral e toda zona norte do estado, e agora disponível na íntegra pra você no Blog do RS.
Neste programa, falamos sobre a vacina BCG, estilo de vida saudável, cineclube, notícias do Twitter e o Salve da semana.
Tenha uma boa audição e lembre-se de dar sua opinião sobre este podcast.

Entrevista na FM Assembléia

Foi com grata satisfação que participei na manhã desta quarta, 07 de julho, do programa Narcélio Limaverde, transmitido pela FM Assembléia de Fortaleza.

Recebi o convite na tarde de ontem, numa demonstração de organização e respeito da equipe do radialista Narcélio Limaverde, um dos mais renomados radialistas do estado do Ceará. 

Na entrevista, Narcélio perguntou sobre o trabalho desenvolvido na Ouvidoria do município, onde discorri um pouco sobre nossa experiência.

O programa tem um quadro específico para falar de ouvidorias, sendo um audição das mais agradáveis, em tempo, lembro que o programa pode ser acesso via web pelo seguinte endereço:

FM Assembléia

quarta-feira, 30 de junho de 2010

Ausência na I FENAGEP

Por motivos superiores e mesmo com trabalho aprovado pela comissão organizadora, não poderei participar da I FENAGEP, que acontece entre os dias 1º e 04 de julho em Brasília/DF.
Desejo boa sorte aos participantes e espero que todos possam ter grandes momentos de desenvolvimento para saúde brasileira, em especial para as Ouvidorias do SUS, já que eu mesmo irei acompanhar tudo pela internet.

quarta-feira, 23 de junho de 2010

MS divulga lista de trabalhos aprovados para FENAGEP

A Coordenação–Geral Departamento de Ouvidoria Geral do SUS, do Ministério da Saúde, enviou mensagem comunicando aprovação de trabalhos inscritos na modalidade Apresentação Oral na I Fenagep - Feira Nacional de Gestão Estratégica e Participativa no SUS.

O evento contará com a participação de 1500 pessoas dentre gestores e técnicos das Secretarias Estaduais de Saúde; municipais e de áreas do Ministério da Saúde; conselhos de saúde, municipais, estaduais e nacional e órgãos representativos. O objetivo da I FENAGEP é o desenvolvimento de um espaço democrático que viabilize o compartilhamento de experiências e práticas relativas ao processo de implementação da ParticipaSUS; a promoção de debates sobre ética, democracia, participação popular e controle social dentre outros. A Feira Nacional de Gestão Estratégica e Participativa no SUS acontece entre os dias 1º a 4 de julho de 2010

Abaixo a relação dos trabalho que serão apresentados no dia 03 de julho, na sala Ipê, de 14h às 17h.

Alguns trabalhos que foram inscritos para pôster a Comissão Julgadora classificou para comunicação oral e, portanto, não serão apresentados como pôster.


ORGANIZAÇÃO DA REDE, PROCESSOS DE TRABALHO E IMPLANTAÇÃO DA PARTICIPASUS

Nome Completo

Título

Componentes da ParticipaSUS pertinentes ao trabalho inscrito:

Trabalho aprovado?

DIA 03

Aline de Castro Lima

REDE DE OUVIDORIAS DA SESA: INSTRUMENTO DE QUALIFICAÇÃO DA GESTÃO DO SUS

Ouvidoria do SUS

Sim

SALA IPÊ

Ana Paula Girão Lessa

FÓRUM CEARENSE DE OUVIDORIAS DO SUS/FOCOS: FORTALECENDO A DESCENTRALIZAÇÃO

Ouvidoria do SUS

Sim

SALA IPÊ

Marta Sandra Ribeiro Mendes

PARTICIPASUS EM BETIM

Ouvidoria do SUS

Sim

SALA IPÊ

Jânder Magalhães Tôrres

Gestão de conflitos: papel da ouvidoria do SUS mediante situações de agressividade/violência do cidadão ao profissional do sistema de saúde

Ouvidoria do SUS

Sim

SALA IPÊ

LISETE MARIA TRAESEL ENGELMANN

OUVIDORIA - SUS FERRAMENTA UTILIZADA PARA A MELHORIA NA QUALIDADE DA ASSISTÊNCIA A SAÚDE NO MUNICIPIO DE PATO BRANCO

Ouvidoria do SUS

Sim

SALA IPÊ

.

quinta-feira, 17 de junho de 2010

Encontro Estadual e possa da nova diretoria ABO no CE

A Associação Brasileira de Ouvidores (ABO), secção Ceará, elegeu a chapa “Construindo a Cidadania” na nova gestão para o biênio 2010/2012.

De acordo com a Presidente Nacional da ABO, Maria Inês Fornazaro, as ouvidorias têm como missão primordial representar os interesses dos cidadãos, independentemente da instância. No atual período da nossa história democrática, os serviços de ouvidoria começam a ganhar reconhecimento tanto pelas ferramentas que facilitam uma gestão, quanto pelo nível de transparência que é conferido à instituição.

Nesse contexto, a ABO/CE surge para estimular e apoiar a criação de Ouvidorias, bem como o desenvolvimento e aperfeiçoamento de Ouvidores/Ombudsman, no âmbito do Estado do Ceará.

A posse da nova diretoria, que tem como Presidente a Drª. Dayse Fuques, e como Vice-Presidente da região norte, o Ouvidor do SUS de Sobral, Jânder Magalhães, e da região sul, Regina Sá, ocorre na próxima segunda-feira, 21, às 19h, no Plenário 13 de Maio da Assembleia Legislativa do Estado do Ceará. Compõem ainda a diretoria mais cinco integrantes, ademais o Conselho de Ética, composto por cinco membros, dentre eles a jornalista Adísia Sá e o Deputado Ronaldo Martins, Ouvidor da Assembleia do Parlamento Cearense.

Na terça, 22 de junho, a partir das 8h, acontece durante todo o dia também na Assembléia Legislativa, o VIII ENCONTRO ESTADUAL DE OUVIDORIAS. Palestras e debates estão na programação do evento, que inclui ainda importante discussão sobre a aprovação do novo Estatuto da ABO-CE.

Ouvidores das diversas instituições, públicas e privadas, podem participar tanto da cerimônia de posse da nova diretoria quanto do Encontro Estadual, que terá inscrições gratuitas e podem ser feitas no Auditório Murilo Aguiar, também na Assembléia Legislativa do Ceará, com encerramento previsto para 15h, após um brunch aos participantes. Maiores esclarecimentos pelo telefone (85) 3257.7721.

terça-feira, 8 de junho de 2010

Frase da Semana

“Nem todos que ouvem são ouvidores.
O verdadeiro ouvidor ouve os 
que não falam.”

Humberto Jacques de Medeiros

quarta-feira, 2 de junho de 2010

V Encontro do Fórum Cearense de Ouvidorias do SUS

A Ouvidoria-Geral da Secretaria Estadual de Saúde do Ceará (SESA) realizará entre os dias 09 e 10/06/2010, no Magna Praia Hotel em Fortaleza, o V Encontro do Fórum Cearense de Ouvidorias do SUS, com o tema “As Ouvidorias do SUS e o Fortalecimento da Cidadania”.
No encontro tem como propósito colaborar com o processo de qualificação dos ouvidores do SUS e técnicosem ouvidoria em todo estado. Em sua quinta edição, o evento tem o apoio do Fórum Cearense de Ouvidorias do SUS – FOCOS, tem se consolidado como um espaço de discussão entre a Ouvidoria-Geral da SESA e as ouvidorias do SUS em âmbito municipal, com o objetivo de contribuir para o desenvolvimento da capacidade técnica, institucional e gerencial do serviço de Ouvidoria do SUS.
Mesmo tendo um caráter estadual, estarão presentes como debatedores nomes de expressão nacional em ouvidorias do SUS, como a Dr. Karla Júlia Marcelino, Ouvidora Geral do Estado de Pernambuco, Drª. Augusta Assirati, do Departamento de Ouvidoria Geral do SUS do Ministério da Saúde e Sebastião Araújo, Ouvidor Municipal de Rio Branco/AC. A Ouvidoria Municipal do SUS de Sobral também deve participar do evento, já que o Ouvidor do SUS de Sobral, Jânder Magalhães, foi convidado para ser debatedor da mesa principal no primeiro dia do evento, o que só confirma a condição do serviço sobralense como referência para o estado do Ceará.
A Ouvidoria Municipal do SUS funciona desde 2007 e integra a rede de serviços da Secretaria da Saúde e Ação Social de Sobral, constituindo-se num canal de comunicação direta e de escuta qualificada entre o cidadão comum e a gestão, caracterizando transparência e seriedade na administração pública.

terça-feira, 1 de junho de 2010

FUNAC realiza visita técnica em Frecheirinha/CE

A Fundação de Apoio ao Cidadão (FUNAC), entidade que trabalha em prol da disseminação de ouvidorias públicas no estado do Ceará, esteve na cidade de Frecheirinha, localizada a aproximadamente 50 Km de Sobral, para uma visita técnica.

Na ocasião, o Presidente da FUNAC, Prof. Olavo Oliveira, esteve reunido com a Secretária da Saúde do Município, Aurivan Linhares, para discutir a possibilidade de uma parceria entre o município e a Fundação para a implementação de novos serviços na ouvidoria da saúde.

Dentre os serviços oferecidos pela Fundação estão a implantação de um moderno sistema informatizado de registro e geração de relatórios gerenciais, protocolos e fluxos no processo de trabalho e capacitação técnica, áreas em que a FUNAC é especializada. Frecheirinha pode se tornar o primeiro município da zona norte do estado do Ceará a contar com um serviço de consultoria especializada, o que potencializará a ação do trabalho já desenvolvido no município, que desde da gestão do atual Prefeito Helton Luís Aguiar Júnior, vem dando um novo aspecto a cidade, destacando-se pela administração transparente e voltada para o interesse do cidadão.

Para o Presidente da FUNAC, Prof. Olavo Oliveira, a escolha do município de Frecheirinha para iniciar os trabalhos na zona norte do estado não foi por acaso, "Para nós, que fazemos a FUNAC, é muito importante estabelecermos parceiras com gestores comprometidos com o bem-estar da população. Em Frecheirinha, encontramos na pessoa da Secretária Aurivan e do Prefeito Helton Luís atores sociais sérios e comprometidos com o cidadão, e esta é a razão da Fundação. Aliás, este projeto que deve ser implantado no município é fruto de anos de pesquisa, e que agora será colocado em prática para beneficiar diretamente o cidadão."

O trabalho oferecido pela Fundação, como afirmou seu presidente, constitui-se de uma série de orientações para municípios que já possuem ouvidorias, bem como aqueles que pretendem implantar o serviço. Dentro do projeto de consultoria, estão inclusos serviços, treinamento e fornecimento de um sistema informatizado. Outras informações sobre a FUNAC, você pode encontrar no site, clique aqui.

terça-feira, 4 de maio de 2010

Ministério da Saúde promoverá Feira de Gestão

Organizada pelo Ministério da Saúde, através da Secretaria de Gestão Estratégica e Participativa (SGEP), Brasília receberá entre os dias 17 e 20 de junho, a I Feira Nacional de Gestão Estratégica e Participativa (I FENAGEP).

Com um previsão de receber mais de 1500 participantes, a I FENAGEP busca compartilhar experiências e práticas relativas ao processo de implementação da ParticipaSUS; a promoção de debates sobre ética, democracia, participação popular e controle social; e o papel do Estado na formulação e implementação de políticas públicas, transparência, instersetorialidade, dentre outros, pertinentes à gestão pública, com vistas à equidade social.


Para nós, ouvidores, a feira receberá inscrição de trabalhos pertinentes ao eixo Ouvidorias do SUS e as inscrições já podem ser feitas neste link: http://okm.me/1TBO

segunda-feira, 12 de abril de 2010

Publique sua experiência no Blog do Ouvidor

Você iniciou um trabalho com ouvidoria ou já possui alguma experiência?

Então, aproveite este espaço e divulgue seu trabalho no Blog do Ouvidor. Envie-nos um e-mail (jandermagalhaes@yahoo.com.br)  falando de sua experiência, ou até mesmo seu ponto de vista sobre determinado assunto atinente à ouvidoria, que, após avaliação, publicaremos sua participação. 

Colabore conosco neste espaço que também é seu, é de todos nós.

Ceará terá pode ter nova diretoria na ABO

Alguns filiados do estado do Ceará já iniciaram um trabalho de articulação para eleição da nova diretoria da ABO no estado.

O Ceará foi um dos estados que traçou o caminho do pioneirismo na área de ouvidoria, com registro de grandes experiências e uma história riquíssimas. Neste novo grupo que pretende assumir o trabalho da ABO, estão nomes como Euler Barbosa e Dayse Fucs, e que contam com o apoio da atual presidente do órgão no estado, Márcia Ximenes. A eleição deve acontecer em breve, e nós traremos detalhes para vocês.


Fóruim Cearense de Ouvidorias do SUS realiza reunião

Membros do núcleo articulador do Fórum Cearense de Ouvidorias do SUS estarão reunidos na manhã desta terça, 13/03/2010, para discutir temas atinentes às ouvidorias de saúde do estado.

O Fórum existe desde 2007 e trata-se de uma interessante iniciativa de congregar os representantes das ouvidorias setoriais da área de saúde. Mensalmente, o núcleo articulador se reúne e traça as políticas que serão trabalhadas no estado, que já tem planejado ações como cursos e seminários para os municípios cearenses.

Esta integralidade entre os municípios só fortalece o instituto Ouvidoria, comprovando ser uma iniciativa louvável e que pode ser aplicada a qualquer setor, não apenas na área da saúde.

Para quem quiser conhecer melhor a experiência, basta visitar o blog do Fórum (http://forumceouvidorias.blogspot.com)

segunda-feira, 29 de março de 2010

Ser Ouvidor

Por Jânder Magalhães

Ser Ouvidor

é ser um ser,
mas ouvidor.
É ter ouvidos pra ver
e olhos pra ouvir.
É ir e vir,
entrar em cantos,
sem sair do lugar,
sem pender,
sem julgar.

Ser ouvidor
é Adisiar-se*
pelo caminho da análise,
da imparcialidade, da coerência
da sensatez,se é que me entendem.
Não é ter preso o rabo,
é nem ter rabo,
mas dar cabo
do que falam e que dizem.

Ser ouvidor é isso,
não aquilo.
Se aprimora,
não se compra no quilo.
É estilo, classe,
mas com humildade,
sinceridade.
É crer que sempre,
o homem pode ser
visto com bons olhos
e ouvido como merece.

Capacitação em São Luís

O Departamento de Ouvidoria-Geral do SUS, do Ministério da Saúde(MS), promoverá entre os dias 26 e 30 de abril na cidade de São Luís-MA, uma capacitação no sistema OuvidorSUS.

Somente os municípios que chegaram a um nível de organização satisfatório em seu serviço de ouvidoria, determinado pelo próprio MS, serão contemplados com a implantação do novo sistema.

Os municípios de Sobral e Manuas participarão como convidados e serão recepcionados pela equipe da Ouvidoria da Secretaria de Estado da Saúde, que encontra-se em processo de implementação de sua ouvidoria, nas pessoas da ouvidora titular, Rafaela Marquese a assessora Priscila Barros. 

sábado, 20 de março de 2010

Vacinação contra a Influenza A (H1N1) I

Muita gente ainda tem dúvidas sobre a campanha, portanto, para esclarecer alguns pontos, coloco em tópicos informações importantes:

  • A campanha vai de 8 de março e até o dia 7 de maio, em todos os estados;
  • O Ceará irá receber 3 milhões e 164 mil doses;
  • Há divisão em cinco grupos prioritários, que são os que mais correm risco de adoecer ou morrer da doença, conforme definição do Ministério da Saúde;
  • No Ceará, a previsão é de vacinar 973.680 pessoas incluídas nesses três grupos prioritários: gestantes, crianças com menos de dois anos e portadores de doenças crônicas, desse total, a maioria a ser vacinada está no grupo dos portadores de doenças crônicas: 620.320 pessoas.
  • Veja quem não pode ser vacinado contra a nova gripe:

    - Quem tem reação aos componentes da vacina da gripe comum.
    - Pessoas que estão com infecções graves
    - Quem tem alergia à proteína do ovo

Posteriormente, traremos mais informações sobre a campanha.


A previsão é de vacinar 153.275 gestantes em todo o Estado. No Ceará, dos sete óbitos confirmados desde que a pandemia da Influenza A (H1N1) foi reconhecida em abril de 2009 pela Organização Mundial de Saúde, dois foram de mulheres grávidas (1 com 36 anos e a outra com 24 anos de idade). No grupo das crianças devem ser vacinadas 200.085 na faixa etária de seis meses até 1 ano, 11 meses e 29 dias. Entre as sete mortes no Ceará, uma foi de criança, com 1 ano e 10 meses.

terça-feira, 16 de março de 2010

Ministério da Saúde envia cartão sobre dia do Ouvidor

Dia do Ouvidor

O dia de hoje é reservado a este profisssional que dedica-se ao papel de escutar as angústias, anseios e manifestações dos cidadãos, o Ouvidor.

O estado do Ceará foi o primeiro do país a cumprir a recomendação da Carta de Pernambuco, elaborada no VI Encontro Nacional de Ouvidores/Ombudsman, que sugere emenda constitucional para Ouvidoria: "Recomendar a instituição do dia 16 de março, como DIA DO OUVIDOR, data da criação da Associação Brasileira de Ouvidores" (fonte: http://www.abonacional.org.br). Assim, com a Lei nº 13.880, de 24 de abril de 2007, assinada pelo governador Cid Gomes, o dia 16 de março passou a ser oficialmente dedicado ao Ouvidor.


Como homenagem, publicamos a "Oração do Ouvidor", de autoria da Advogada e Pedagoga Diana Galvão, atual Assessora Jurídica do Estado de Pernambuco.


"Oração do Ouvidor"


Livrai-me, Senhor 

De um ouvidor surdo-mudo,

Ouvido de mercador,

Que só escuta o que quer,

De um ouvidor falador.



De um ouvidor rancoroso,

Sem perfil, para a missão,

Mal amado, receoso,

Com perfil de espião.



De um ouvidor indicado,

Por ser do gestor amigo

Que a ele queira agradar

E nem se importe comigo.



De um ouvidor sabe tudo

Que não gosta de escutar,

Que nada tem a aprender

Nem tem soluções para dar.




Livrai o Ouvidor, Senhor

Da caneta de um gestor

Que se sinta contrariado

E trate de se livrar

Desse ouvidor “malcriado”.



Da falta de autonomia,

Da pressão sempre constante

Para que fique calado

E não leve nada adiante.



Das fofocas dos ouvidos

Que estão sempre acordados

E cujas línguas são armas

Quando são incomodados.



Dai-nos, Senhor

Um ouvidor aprendiz

De nossas necessidades,

Com a missão de servir

Sem desamor, sem vaidades

quinta-feira, 11 de março de 2010

Curso de Capacitação e Certificação em março

Estão abertas as inscrições para o Curso de Capacitação e Certificação de Ouvidores.
Promoção da Associação Brasileira de Ouvidores – ABO Nacional.

Instrutores: Profissionais credenciados, das mais diversas áreas, cuja competência é reconhecida pela ABO e o mercado profissional.

Objetivo: Os alunos inscritos terão oportunidade de conhecer a legislação, técnicas de gestão, visando o aprimoramento do serviço prestado ao usuário. O curso tem como objetivo capacitar e certificar profissionais para atuação em Ouvidoria, discutir o papel do ouvidor/ombudsman e sua equipe, conceituação, direitos do consumidor, a relação da empresa com o mercado e a mídia, além da discussão de casos.

Público-alvo: Ouvidores/Ombudsman e profissionais que atuam em ouvidoria de instituições públicas e privadas.

Fonte: http://okm.me/1LRl

ABO: Ceará forma chapa para eleição estadual

Já em plena articulação, a composição da nova chapa para eleição da Secção Ceará da Associação Brasileira de Ouvidores/Ombudsmans.

A eleição deve ocorrer no final de abril e por enquanto a chapa liderada pela Drª. Dayse Fucs parte na frente no trabalho de composição, contando com o apoio da atual presidente, Márcia Ximenes, e de nomes como Euler Barbosa e do zelador deste blog.

Posteriomente, novas informações serão postadas sobre a eleição, que será acompanhada par e passo pelo blog do Ouvidor.

Bairros ganham lixeira suspensa


Por iniciativa do agente Local Gerardo Linhares, e com o apoio do vereador José Vytal, bairros Padre Ibiapina e Domingos Olímpio ganharam oito unidades de lixeiras suspensas.

Todas as unidade foram colocadas em pontos estratégicos das vias, para que o recolhimento do lixo aconteça sem problema e o mesmo não seja colocado no chão, facilitando o trabalho da equipe de limpeza e deixando o bairro mais saudável.

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

Tribunais de todo País terão que ter Ouvidoria

Do blog do Jornalista Eliomar de Lima:

“Os tribunais de todo o país terão que criar ouvidorias internas para atender às consultas, reclamações e propostas dos cidadãos comuns em relação ao Judiciário. A medida está na resolução proposta pelo conselheiro e ouvidor do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), José Adonis Callou, aprovada por unanimidade na sessão plenária desta quarta-feira (24/02). Além de determinar a implantação do canal de comunicação com a sociedade nos tribunais, a resolução também especifica as atribuições da ouvidoria do CNJ. “A ouvidoria oferece respostas e esclarecimentos aos cidadãos. É um importante canal de comunicação da população com o Poder Judiciário”, destacou o conselheiro.

A resolução, segundo Adonis Callou, estabelece critérios para a implantação e funcionamento das ouvidorias nos tribunais, como estrutura mínima, forma de composição e tempo de mandato dos magistrados indicados para a direção. O ouvidor deverá ser um magistrado escolhido pelo órgão especial ou tribunal pleno para o período mínimo de um ano, sendo permitida a recondução. Os tribunais terão 60 dias, a contar da data de publicação da resolução do CNJ no Diário Oficial da União, para implantar suas respectivas ouvidorias, com estrutura permanente e adequada ao atendimento das demandas do usuário.

Entre as atribuições das ouvidorias do CNJ e dos tribunais está a de receber informações, consultas, denúncias, críticas e elogios sobre as atividades do Judiciário, encaminhando as manifestações para os setores competentes e mantendo informados os autores da consulta sobre as providências tomadas. Também é competência das ouvidorias sugerir aos demais órgãos do tribunal ou do conselho a adoção de medidas administrativas para a melhoria das atividades desenvolvidas, com base nas informações, sugestões ou críticas recebidas. Elas devem ainda dar publicidade aos dados estatísticos sobre as manifestações recebidas e providências adotadas.”

O que pensa o Zelador

Entidades de todo o país começam a perceber e tomar atitudes sobre a importância do instituto ouvidoria. Muitos não tem noção de como as Ouvidorias tendem a crescer no decorrer de nosso momento democrático, é ver pra crer, ou por outra, quem viver verá.

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

Ouvidoria e Comunidade: Vencendo a Distância

A Ouvidoria Geral do Ministério Público do Ceará vai promover na próxima segunda-feira o evento “Ouvidoria e Comunidade: Vencendo a Distância”, a partir das 9 horas, no auditório da Procuradoria Geral de Justiça. A ação, uma parceria com as demais Ouvidorias do Estado e com os titulares das Promotorias dos Juizados Especiais Cíveis e Criminais, objetiva consolidar a cooperação mútua entre esse setores.

De acordo com a Ouvidora Geral do Ministério Público, procuradora de Justiça Rita Martins, este trabalho reflete a responsabilidade da Instituição Ministerial como canal de interlocução e comunicação aos apelos da sociedade, no resguardo dos direitos sociais e individuais indisponíveis elencados pela Carta Cidadã de 1988.

terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Ceará decreta lei sobre Ouvidoria

O GOVERNADOR DO ESTADO DO CEARÁ.

Faço saber que a Assembleia Legislativa decretou e eu sanciono a seguinte Lei:

Art.1º Fica obrigatória a fixação dos contatos da Ouvidoria dos estabelecimentos públicos e privados, que atendem ao público, em local visível.


Parágrafo único. Para os efeitos desta Lei, entende-se por contatos da Ouvidoria os números telefônicos e os endereços de correio eletrônico.

Art.2º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.


PALÁCIO IRACEMA, DO GOVERNO DO ESTADO DO CEARÁ, em Fortaleza, 29 de dezembro de 2009.


Francisco José Pinheiro

GOVERNADOR DO ESTADO DO CEARÁ EM EXERCÍCIO

Nota do Zelador: Interessantíssima a iniciativa do Governador em exercício do Ceará, professor Pinheiro. Agora, para avançar ainda mais, além de garantir a divulgação do serviço, é discutirmos a sua implementação.

quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Coluna Ombdsman da Folha - Edição 120 do Jornal A Folha

Esta edição inaugura o ano para nosso jornal, sendo a primeira edição de 2010. É início de jornada, porquanto contamos sempre com sua colaboração para um trabalho cada vez mais participativo.

Passadas as festas de fim de ano, vamos ao que realmente interessa e conversar um pouco sobre a edição anterior, a última de 2009. Em primeira observação, facilmente é percebido que em algumas áreas, matérias e colunas apresentam fontes de tamanho diferente de fonte, ocasionando uma desarmonia no padrão visual. Um espaço que deixa isso flagrante é a coluna assinada pelo colaborador José Maria, com uma fonte de tamanho minúsculo, tornando a leitura difícil e cansativa.

Ainda sobre fontes, alguns títulos de permanecem sem uma padronização. Encontramos alguns com letras maiúsculas, outros com letras minúsculas, alguns em negrito, enfim, o recomendável é que se obedeça uma linha estética lógica.

Em consulta ao Aurélio*, confirmamos que uma palavra no Segundo Caderno foi inadequadamente escrita, quando fala do “8° Multirão” na cidade de Santana-Ce. A grafia correta é na verdade “Mutirão”, sem a letra “l”, e segundo o próprio dicionário trata-se de um Auxílio gratuito que prestam uns aos outros os membros de uma determinada comunidade, reunindo-se todos em proveito ou de um de seus membros, ou de todos, como no caso, p. ex., da implementação de obra(s) de infra-estrutura.

Um dos destaques da edição foi o espaço assinado por Danilo Neves, com informações sobre esportes, em especial sobre o Guarany de Sobral. O colega consegue aprofundar-se no tema, sem perder a objetividade. Arteiro Ferreira fez uma justíssima citação aos 50 anos de rádio de Fernando Solon, um ícone do rádio e da imprensa sobralense..

*O Novo Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa corresponde à 3ª. edição, 1ª. impressão da Editora Positivo, revista e atualizada do Aurélio Século XXI, O Dicionário da Língua Portuguesa, contendo 435 mil verbetes, locuções e definições. ©2004 by Regis Ltda.